domingo, 28 de Novembro de 2010

Despedida do Chefe do Estado-Maior da Armada



Ao nosso camarada Almirante Fernando de Melo Gomes que deixa o alto cargo de Chefe do Estado Maior da Armada o nosso reconhecimento pelos serviços prestados à Marinha e a Portugal durante os cinco anos do seu mandato e os nossos votos de felicidades na singradura que se segue.

2 comentários:

CS disse...

GOSTEI, e aqui, publicamente, partilho e subscrevo o teor deste post.

Cerimónia sóbria, em que com poucas palavras é dito tudo o que há a dizer, e com a inequívoca dignidade que é apanágio da nossa Marinha e da NOSSA CULTURA NAVAL !



…CULTURA essa que, definitivamente e ao contrário do que o MDN recentemente preconizou, NÃO a queremos como fazendo parte de “uma cultura conjunta” (???!!!).
Aliás (e a menos que tudo o que é Militar Português se tenha evaporado) nem creio que qualquer dos outros dois Ramos das FA’s também o queira. Só não entendo a ausência de reacções!...

Que se integrem capacidades, é razoável. Que se partilhem recursos, é necessário. Que se opere em conjunto é mandatório. Mas… “uma CULTURA conjunta”?!...
Mexam no que seja essencial mas, pelo menos, não tentem destruir a IDENTIDADE a NENHUM dos três Ramos!

José Sousa e Silva disse...

Concordo contigo meu caro amigo Celestino da Silva. Aliás, subscrevo.
Apenas acrescento que nenhuma Cultura se extingue, ou se transforma, por Decreto.
Cultura tem vida para além dos homens e permanece e dura alicerçada no meio social - isto é elementar e nem é preciso saber de Antropologia Cultural !...